entenda por que dar à luz é radical

Você já deve ter ouvido falar de que, para dar à luz por parto natural, é necessário ter dilatação.

Todos sabemos o que a palavra significa. Ouvi-la, no
contexto do parto, sugere de imediato a imagem de um alargamento, talvez um
inchaço, um fluxo de fluidos corporais para facilitar a passagem de algo de dentro
para fora do corpo humano.

Durante o trabalho de parto, o profissional que o está
conduzindo mantém a mãe atualizada sobre o status da dilatação do colo do útero
para lhe dar uma ideia de em que ponto está o processo.

Começando com um centímetro, a dilatação precisa chegar até
10 centímetros para permitir que a cabeça do bebê deslize para fora. Mas como
isso realmente se parece?

Essa mudança incrível é vividamente ilustrada neste “diagrama
de dilatação”:

É por isso que elas passam

Uma foto da tabela de madeira foi compartilhada na internet
pela SCV Birth Center, uma clínica em Santa Clarita, Califórnia (EUA), e fez um
sucesso imediato.

Alguns usuários explicaram que essa é uma ferramenta
educacional útil para parteiras e médicos e está disponível para compra pela
internet.

Diversas pessoas republicaram o gráfico, que se tornou viral
e levantou um debate sobre o parto. A realidade da dilatação, bem como inúmeras
outras situações com as quais as mamães podem se deparar, é algo que merece ilustração
e conhecimento, principalmente para gerar empatia.

Afinal de contas, apesar de ser lindo e cheio de amor, o parto também é um momento delicado, doloroso e radical. [BoredPanda]



[ad_2]

Source link

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Send message via your Messenger App