Gel que faz o dente reparar a si mesmo pode ser o fim das obturações dentárias

Pesquisadores da Universidade Zhejiang (China) criaram um
gel que imita o esmalte dos dentes, fazendo-os se repararem sozinhos.

Esse produto pode significar o fim das obturações dentárias.

O estudo

O esmalte é a camada dura e protetora que fica do lado de
fora dos dentes. Ela se desgasta naturalmente (seja por ácido bucal, mastigação
etc.), o que pode levar a cavidades que precisam de obturações.

A ideia dos pesquisadores para evitar esse problema foi fabricar um gel contendo cálcio e fosfato, os blocos de construção do esmalte real, a fim de incentivar os dentes a se “autorrepararem”.

O gel foi testado em dentes humanos removidos de pacientes,
danificados com ácido e colocados em um ambiente projetado para se assemelhar à
boca humana. Durante um período de 48 horas, o gel estimulou o crescimento de
um novo esmalte. Usando microscopia, os pesquisadores confirmaram que ele possuía
o mesmo arranjo altamente ordenado de cristais de cálcio e fosfato que o
esmalte comum.

Agora, a equipe está testando o gel em ratos para garantir
que os produtos químicos são seguros, para em seguida poderem experimentá-lo em
pessoas.

Próximos passos

Essa não é a primeira vez que um estudo tenta reparar o
esmalte dentário com misturas de cálcio e fosfato, mas experiências anteriores se
apoiaram em aglomerados de partículas maiores, que acabaram não aderindo muito
bem à superfície do dente.

O novo revestimento de esmalte do estudo tinha apenas 3 micrômetros de espessura, no entanto – o que é cerca de 400 vezes mais fino que o esmalte comum não danificado.

Apesar disso, os cientistas creem que o gel pode ser
aplicado repetidamente para criar uma camada firme de reparo.

Um artigo sobre o estudo foi publicado na revista científica Science Advances. [NewScientist]



[ad_2]

Source link

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Send message via your Messenger App